Platão – Obra “quase” completa (download)

filosofia-platao

A coisa mais indispensável a um homem é reconhecer o uso que deve fazer do seu próprio conhecimento.
(Platão)

O mais importante de todos os discípulos de Sócrates foi Platão (gr.Πλάτων), que exerceu enorme influência na filosofia, na religião, na educação, na literatura e até mesmo na língua grega. O filósofo Alfred Whitehead (1929) afirmou, com evidente exagero, que a história da Filosofia “não passa de uma sucessão de notas de rodapé da obra de Platão”.

Todos os 43 diálogos e treze cartas atribuídos a Platão pelos antigos, mas não necessariamente escritas por eles, chegaram até nós. Dentre eles, somente 27 diálogos e as cartas VI, VII e VIII são considerados autênticos; muitos eruditos, porém, acreditam que todas as cartas criadas posteriormente, para dar um arcabouço histórico aos diálogos.

Alguns epigramas atribuídos a ele também sobreviveram, mas a crítica moderna não os considera de sua autoria.

A forma do “diálogo platônico” (também chamado, às vezes, de “diálogo socrático”) é, do ponto de vista literário e filosófico, uma discussão filosófica com estrutura dramática. Esse formato recebeu fortes influências do mimo siciliano mas, com Platão, o diálogo adquiriu o status de gênero literário independente. Devido à pureza e correção da linguagem, a prosa de Platão também é considerada um dos paradigmas do dialeto ático.

Na impossibilidade de datar individualmente cada um dos diálogos, é costume agrupá-los em relação à data das viagens de Platão à Sicília. A análise do estilo e do conteúdo permite, também, ordená-los de forma mais ou menos cronológica (Young):


1º GRUPO (-399/-387)
Apologia de Sócrates, Cármides, Críton, Eutidemo, Eutífron, Górgias*, Hípias Maior, Íon Laques, Hípias Menor, Lísis, Menexeno,Mênon e Protágoras;

2º GRUPO (-387/-367)
Crátilo, Parmênides, Fédon, Fedro, O Banquete, A República eTeeteto;

3º GRUPO (-360/-347)
Crítias, Leis, Filebo, O Sofista, O Político e Timeu*.


Alguns eruditos colocariam os diálogos marcados com um (*) no 2º Grupo.

Nos diálogos do 1º Grupo, ditos “socráticos” ou da juventude, Platão transmite as idéias e os métodos do Sócrates histórico; nos diálogos do 3º Grupo ou da velhice, apresenta suas próprias idéias, em geral independentes das de Sócrates. Sócrates, no entanto, continua como personagem dos diálogos, por uma questão de fidelidade ao estilo literário. Os diálogos do 2º Grupo, ou da maturidade, são intermediários e apresentam algumas idéias de Sócrates, mescladas aos primeiros pensamentos independentes de Platão.

Fonte: http://greciantiga.org/arquivo.asp?num=0336


download-pdfClique no nome do livro para ser direcionado para o download!
Lembre-se de que são para usos educacionais e não devem visar qualquer vantagem financeira!

PARA INTRODUZIR…

PRINCIPAIS DIÁLOGOS EM PDF

  1. APOLOGIA DE SÓCRATES – Tradução de Maria Lacerda de Souza.
  2. CÁRMIDES – Obra em espanhol.
  3. CRITÃO (Críton) – Tradução de Jaime Bruna.
  4. EUTÍDEMO –  Tradução de Maura Iglesias.
  5. EUTÍFRON – Tese com tradução completa e notas de Francisco de Assis Nogueira Barros.
  6. GÓRGIAS – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  7. HÍPIAS MAIOR – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  8. ÍON – Tradução de Marcus Mota.
  9. LAQUES –  Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  10. HÍPIAS MENOR – Tradução de José Colen.
  11. LÍSIS – Tese com tradução completa e notas de Helena Andrade Marona.
  12. MENÊXENO – Tese com tradução completa e notas de Bruna Camara.
  13. MÊNON – Tradução de Maura Iglesias.
  14. PROTÁGORAS – Adaptação de Olga Pombo.
  15. CRÁTILO – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  16. PARMÊNIDES – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  17. FEDÃO (Fédon) – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  18. FEDRO – Tradução de Pinharanda Gomes
  19. O BANQUETE – Coleção “Os pensadores”.
  20. A REPÚBLICA – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  21. TEETETO – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  22.  CRÍTIAS – Tradução de Rodolfo Lopes.
  23. LEIS – Junto com a controversa obra Epínomis.
  24. FILEBO – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  25. O SOFISTA – Coleção “Os pensadores”.
  26. O POLÍTICO – Coleção “Os pensadores”.
  27. TIMEU – Tradução de Rodolfo Lopes.

OUTRAS OBRAS IMPORTANTES em PDF

  1. ALCIBÍADES I – Tradução de Carlos Alberto Nunes.
  2. HIPARCO – Obra em inglês (open source)
  3. MINOS – Obra pseudo-platônica tradução de José Colen (Artigo)
  4. DIÁLOGOS SOBRE ATLÂNTIDA – Sobre o mito platônico de mesmo nome.
  5. CARTA SÉTIMA – Único texto apontado pelos estudiosos em que Platão fala em primeira pessoa.

Anúncios

26 comentários sobre “Platão – Obra “quase” completa (download)

  1. Só deixo agradecimentos aos responsáveis pela organização e disponibilização das obras. Grande é o favor que os senhores prestam a população com a propagação das obras do referido autor. Obrigado!

    Curtir

  2. […] OBRA: Sócrates nada escreveu. Tudo o que sabemos de suas ideias se baseia nas informações de dois discípulos e entusiasmados admiradores, Platão e Xenofonte, e pela caricatura de Aristófanes. É justamente estas escassas referências sobre o pensador que disponibilizaremos nas linhas abaixo. Para Sócrates como personagem platônico, consulte a seção com os diálogos de seu discípulo mais famoso para download AQUI! […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s